Fifth Harmony acabou de publicar em suas redes sociais essa entrevista que concederam recentemente para a Galore Magazine. Elas falaram sobre  uma às outras, boys, amizade, estilos e outras coisas! Traduzimos a entrevista completa para vocês, leia:

Quando vocês perceberam que eram amigas além de companheiras de grupo?
Todas: Aw, isso é fofo!
Normani: Nós estávamos no X Factor. Nós nos encontramos antes de sermos colocadas como um grupo. Eu lembro de ver a Ally na minha primeira audição, foi em Austin?
Ally: Austin, Texas!
Normani: basicamente, minha família.. Nós tínhamos uma rivalidade. Foi tipo, minha família estava lá gritando “Normani Normani Normani!” E a família da Ally tinha camisetas, você arrasaram.
Ally: Eles foram com tudo!
Normani: Eu não diria que isso foi um desafio necessário para nos conectarmos uma com a outra pois tínhamos uma idade bem próxima. Eu me lembro que eu a Dinah nos conectamos rápido.
Dinah: Muito rápido! Tipo, nós começamos a dormir no quarto de hotel uma da outra.
Normani: Isso! Eu pegava suas roupas emprestadas!
Dinah: Sim, você pegava! Foi bem rápido. Foi como uma conexão química louca. Nos conectamos instantaneamente.
Normani:  E eu sinto que com tudo que já passamos juntas – mesmo coisas que só nós sabemos. Obviamente nós temos uma às outra para nos apoiar. Eu acho que esses momentos nos aproximam ainda mais.

Como cada uma de vocês fortalece o grupo, como um todo?
Ally: Bem, Dinah, eu admiro o seu jeito divertido e brincalhona de ser. Eu amo a maneira que você sempre entra com a música. Você traz a vida para a festa e a energia para o ambiente. Isso ajuda muito, especialmente se temos um longo dia pela frente ou algo do tipo é muito legal ter isso. Você está sempre animada e sorridente. Você faz tudo isso ser muito mais fácil. Isso faz com que o ambiente fique tão mais saudável quando é divertido. Eu realmente admiro isso em você
Dinah: Obrigada Ally. Você é super fofa! Ally… Ela é uma brincalhona também. É bom saber que tem alguém que carrega a mesma energia. Você está sempre brincando. Tem vezes que ela é como nossa mãe. Nós temos chamado a Ally de mãe do grupo pois ela tem essa energia onde se preocupa tanto. Tem vezes que eu me atraso para descer na recepção, ela manda mensagens tipo “nós temos que ir, nós temos que ir.” O empurrãozinho que ela dá ao grupo ajuda. Pois tem vezes que você está desanimada e ter alguém que nos anime ajuda. Você nos coloca para trabalhar!
Normani: Bem, eu ia falar sobre a Dinah mas a Ally já fez um excelente trabalho!
Dinah: Você é falsa! [risadas]
Ally: Eu ia falar em ordem!
Normani: Eu sinto que a Lauren tem esse dom de fazer as pessoas se sentirem seguras sobre qualquer coisa que estejamos passando.
Dinah: Isso é muito verdade.
Normani: Muitas vezes as pessoas se esquecem que somos humanas. Nós temos coisas que acontecem em nossa família e inseguranças com nós mesmas. A Lauren tem esse jeito de fazer com que eu me sinta segura e confiante sobre mim mesma e eu sinto que posso realmente falar com ela sobre absolutamente qualquer coisa. Tem conversas que eu tenho com ela que eu sinto como se eu não conseguisse com mais ninguém. E eu sinto que nós temos um papel enorme uma com as outras mas parece que tem coisas que só consigo recorrer a ela.
Lauren: O negócio é que todas nós trazemos tantas coisas diferentes a mesa. Normani é tão esforçada, trabalhadora, disciplinada…
Ally: Sim, Mani!
Dinah: Muito verdade.
Lauren: … e está constantemente fazendo um esforço para que ela melhore, para que seja a melhor versão dela possível e para mim, isso é muito inspirador pois sou o oposto [rindo]. Brincadeira. Mas ela definitivamente me faz sentir como se eu pudesse ser mais, conseguir mais se eu continuar fazendo o que estou fazendo., ela me desafia a querer estar no mesmo nível que ela.

Quem é a melhor no Instagram? Tiros disparados.
Ally: Honestamente, eu estou melhorando então…
Lauren: Eu estou no meu melhor momento, me desculpe.
Dinah: Eu estava stalkeando a Mani ontem à noite.
Normani: Eu sei, eu tenho o meu fotógrafo particular.
Lauren: Eu acho que vou dar dinheiro a ela para tirar fotos minhas hoje.
Normani: Eu acho que vocês podem ter um ótimo senso de quem somos como pessoas pois somos tão diferentes.

Os homens ficam com medo de se aproximarem agora que vocês são famosas?
Lauren: Não os caras certos.
Dinah: É engraçado pois você meio que pensa que é o cara certo mas não é.
Lauren: Eles são super não o cara certo ou muito legais. Não tem meio termo. Eles estão tentando tirar algo de você ou eles pensam que você é muito foda.
Dinah: Teve esse cara uma vez que pensou que eu fosse super intimidadora por causa de quem somos. A coisa é que quando eu acho alguém que acho super fofo ou lindo, eu não posso ficar falando muito pois as vezes eles ficam pensando tipo “ela me quer.” E isso já aconteceu comigo várias vezes. Quando você está tentando ser legal com alguém e eles entendem tipo “Cara, a Dinah Jane gosta de mim.” E estou estou tipo “Não, eu só quero ser sua amiga, tipo, por qual motivo você entendeu isso errado?”
Normani: Pra mim, é mais o oposto pois eu posso ser tão intimidadora mesmo não sabemos, e o cara não liga e você fica “eu sou fofa! Vem aqui!” E depois fico tipo “tem algo errado comigo?”.
Dinah: É difícil. Então, tudo que queremos é que um cara confiante venha. Apenas venha e diga “Hey, como está?” E comece ai.

Qual a pergunta que você mais recebem que se fossem um grupo de meninos vocês não seriam perguntadas?
Normani: Por um momento, quando “Work From Home” saiu, nos perguntaram algumas vezes “vocês acham que estavam vestidas sexy demais?”
Lauren: Eu tenho certeza que os homens nunca são questionados se estão agindo sexy demais. Eles são na verdade glorificados quando estão sem a roupa. As mulheres amam essas coisas, elas ficam tipo “yeah, você é tão gostoso.” mas quando se fala de garotas é “nossa, ela é muito vadia.”
Normani: Isso acontece com a gente durante toda a nossa carreira. Quando falamos de performance, as pessoas julgam pela roupa que estamos usando no palco. Já ouvi coisas como “olha esse grupo de vadias.” Já teve vários Memes.

O que vocês têm a dizer sobre garotas falando hate para garotas?
Lauren: Apenas não faça isso.
Normani: É desnecessário. E eu sinto que isso meio que restringe nós mesmas como mulheres. Nós seriamos melhores do que somos se nos apoiássemos ao invés de olharmos uma às outras como rivais. Nós todos ganharíamos com isso.

Qual a melhor parte de conviver em um grupo integrado?
Ally: É ótimo porque nós quatro estamos sincronizadas umas com as outras. Nós somos bem abertas sobre a maioria das coisas. Nós tentamos nos respeitar o máximo que podemos. Para nós comunicação é muito importante. Nós também gostamos de muita coisa em comum! Como tomar frozen yogurt, ir no cinema, conversar sobre garotos, compartilhar musica, nos divertir nos tapetes vermelhos e animar umas as outras dizendo “Ei, você está linda!”
Normani: Nós nos elogiamos muito.
Lauren: Isso é muito importante, especialmente estando ao redor de garotas. É muito fácil começar a se afastar pensando “Uau, ela está mais bonita do que eu” ou “ Meu cabelo não está tão bom quanto o dela”. Por que não simplesmente falar “ Você está incrível, você está sexy, amei sua roupa”. Dar energia umas pras outras muda todo o clima de tudo que estamos fazendo.
Ally: Nós realmente vivemos por empoderamento feminino. Literalmente, todos os dias nós damos o nosso melhor pra fazer isso.

Vocês se inspiram em grupos icônicos como Spice Girls, the Supremes, TLC?
Normani: Completamente, todas nós crescemos escutando Destiny’s Child, Spice Girls, TLC, até Pussycat Dolls, “Buttons” é a minha música, Danity Kane.
Dinah: Oh, Xscape! Eu as amo muito.
Normani: É muito importante ter pessoas fortes que nos mostraram o caminho. Sem elas e o que elas firam pra industrial musical, provavelmente nem existiríamos.

Vocês esperam deixar um legado como o delas?
Normani:
Com certeza.
Lauren: Eu acho devemos. Nós já deixamos uma marca impressionante como grupo nessa indústria. Estou orgulhosa de nós!
Ally: Eu acho que elas nós inspiram musicalmente, mas humanamente também. Quando se está em um grupo, as pessoas esperam que vocês sejam todas iguais. Só olhando envolta, isso tem me ajudado a descobrir que somos todas unicamente diferentes por uma boa causa, se não, não haveria crescimento. Aprendendo sobre elas eu tenho aprendido sobre mim mesma. Nós todas temos fraquezas, temos pontos fortes, mas juntas nos completamos.

Quem de vocês tem o estilo mais descontraído?
Ally: Às vezes eu gosto de me vestir como louca… Bom, eu não acho que é como louca [risos]. Eu gosto de me divertir com meu estilo. Obviamente se todo mundo está se vestindo mais “chique” eu terei que ir por esse caminho, mas …
Lauren: Você adora exagerar.
Ally: Não é exagero, eu adoro brincar! Eu não gosto de me sentir simples, gosto de um pouco de açúcar no topo.

Com tantas fotos de vocês nos holofotes, como vocês mantém uma mentalidade saudável?
Normani: Eu acho que de alguma forma somos forçadas a ter, porque sempre vai ter fotos ruins suas.
Lauren: É, você é forçada a isso, você nunca consegue se livrar de pessoas tirando fotos ruins suas, de ângulos horriveis! Eu nunca vou superar. Eu fico com muita raiva sempre que eu entro na internet, eu fico tipo “Por que? Você sabe que eu estou horrível nessa foto! Por que você postou ela?” Eu odeio isso.
Dinah: As vezes eles sabem que não estamos bem na foto e eles fazem isso só pra mostrar, “olha essa foto ruim…”
Ally: Uma vez eu literalmente parecia um ovo na foto e eu tive que escolher rir da situação. As vezes você obviamente surta, mas está la, você chora depois você da risada.
Lauren: Aí você chora e da risada de novo.

Tradução e Adaptação Equipe Fifth Harmony Brasil

Publicado por Barbara Ianhes em 12 de abril de 2017

FifthHarmonyBrasil.Com

• Hospedado pela equipe Flaunt Network

Fifth Harmony Brasil 2013-2017 - Alguns Direitos Reservados •