adsafh

Foi liberado o quarto vídeo da saga de diários em vídeo da Fifth Harmony, e a integrante da vez é a Ally! Ally diz que era muito tímida e não era confiante consigo mesma, então se inspirou em sua cantora favorita. Ela comenta que é muito bom ser parte de um grupo, pois pode confiar e compartilhar coisas com as outras garotas e também dividem o mesmo sonho. Confira o vídeo abaixo:

Faltam apenas mais 2 vídeos que saem as quartas-feiras então fiquem ligados no site da Seventeen!

Publicado por Barbara Ianhes em 12 de julho de 2013

bannerrf

Ontem (04.05) as meninas voltaram para suas casas para que possam aproveitar um tempo com a família antes de partirem para New York. E alguns fãs puderam encontrar e passar um tempo com Ally, Lauren e Camila, confira fotos desse momento em nossa galeria clicando nas miniaturas a seguir:

Inicio > Outros > 2013 > 04.05 @ Encontrando com fãs na volta pra casa

119fe15eb52011e29a8222000a1f8ccf_7.jpg BJd-RGCCYAEj9Ea.jpg BJdd_oDCIAA5WhB.jpg BJdeMwrCUAIlH0g.jpg BJdj-k8CYAEKGD9.jpg

Publicado por Barbara Ianhes em 5 de maio de 2013

Ally_b

Jerry Hernandez, Pai de Ally Brooke, criou recentemente uma conta no Twitter para interagir com os fãs de Fifth harmony, na tarde de hoje (26) ele usou a Rede social para falar um pouco á respeito das novas canções das meninas.

twiterjerry001

HARMONIZERS, ouvi algumas músicas de Fifth Harmony! É incrível! Eu tenho que admitir que eu chorei duas vezes! As meninas foram impecáveis!

twiterjerry002

@2ndharmony: Elas fizeram nove canções originais em 10 dias! Tão orgulhoso do trabalho duro! #Pai5hOrgulhoso

 Sem dúvidas, as meninas estão trabalhando muito em seu primeiro álbum. Sigam o Pai de Ally Brooke no Twitter clicando aqui

Publicado por Barbara Ianhes em 27 de fevereiro de 2013

bannerr

Como postado anteriormente, o reencontro das meninas estava breve de acontecer e agora mais breve do que nunca, o reencontro das meninas acontecerá hoje (12/02). Através da rede social Twitter as meninas mostram grande empolgação através de tweets, Ally decidiu mostrar essa empolgação um pouco diferente das demais e postou um vídeo em sua conta no Telly, sem mais delongas confira o vídeo neste link.  Abaixo você confere a tradução do mesmo:

“Olá Harmonizer, ai meu Deus eu não consigo acreditar que amanhã é o grande dia que eu finalmente vou estar reunida com minhas incríveis irmãs (flawesome: trocadilho com freaking e awesome), eu estou tão animada. Eu provavelmente deveria ir embora porque eu ainda tenho muito o que arrumar. Mas eu apenas gostaria de dizer que eu espero que todos tenham um ótimo dia. Amo vocês, tchau”

Há três dias atrás na mesma conta, Ally postou um vídeo onde agradece pelo apoio de todos os fãs e diz que está muito animada para reencontrar as meninas, Lauren, Camila, Dinah e Normani. Confira aqui.

Fique ligado no site para informações sobre o reencontro das meninas.

Publicado por Barbara Ianhes em 12 de fevereiro de 2013

Foram 6 anos de muito amor e emoções com o grupo, vimos as meninas crescerem, criarem o seu espaço, ganharem prêmios, serem reconhecidas e amada por milhões. Uma nova era se iniciará para cada uma dela e, por vocês, continuaremos apoiando e acompanhando a carreira individual da Ally, Dinah, Lauren e Normani.

Agora chega de enrolação, prepara o lencinho e vem assistir ao último show COMPLETO do Fifth Harmony.

 

ATUALIZAREMOS AMANHÃ COM VÍDEOS INDIVIDUAIS

Publicado por Barbara Ianhes em 11 de maio de 2018

Fifth Harmony concedeu uma entrevista para o site Norueguês VG. Confira (desde já nos desculpem pela tradução pois não sabemos noruegues haha):

Fifth Harmony faz o retorno após a saída de uma das integrantes, Camila Cabello. “Foi difícil“, dizem a VG.

A Fifth Harmony foi um dos nomes pop mais populares do mundo em 2016, mas depois da saída da Camila Cabello, elas ficaram ‘desaparecidas’ por estarem no estúdio.

Prefiro comparar esse álbum a nossa ressurreição” , disse Lauren Jauregui à VG.

A VG encontra o grupo no W Hotel em Beverly Hills, pouco antes do lançamento de seu novo álbum intitulado “Fifth Harmony”.
Eu tenho que admitir que estou um pouco nervosa, isso é ótimo!” Diz Brooke.

O Fifth Harmony foi lançado em 2012 depois que as meninas se conheceram no programa de TV “X Factor USA”. No verão de 2016, elas fizeram sucesso com o single “Work From Home” e o vídeo foi visualizado mais de um bilhão de vezes.
Então veio o choque: Camila Cabello decidiu deixar o grupo e fazer carreira solo em dezembro de 2016. Porém, o grupo trabalhou duro em seu novo álbum e ficaram escondidas no estúdio por um bom tempo.

Estamos trabalhando duro com este álbum desde janeiro, mas optamos por mantê-lo secreto. Tinha que ser perfeito antes de podermos dar as notícias “, diz Dinah Jane Hansen.
Foi difícil. Este álbum é uma prova para nós mesmos e para qualquer outra pessoa que não acho que continuaríamos ou que achou que precisaríamos de um novo integrante“, disse Lauren Jauregul.

A parte mais importante deste período tem sido a nossa fé no grupo e uma a outra. Passamos um ano ficando fortes nessa crença, e acho que esse álbum irá mostrar “, disse Ally Brooke.

O álbum “Fifth Harmony” é classificado como o top três no iTunes na Noruega e a famosa revista Rolling Stones deu 3,5 de 5 estrelas. As quatro investiram fortemente em colaboração com artistas de renome como Gucci Mane e Skrillex, para aumentar a conscientização sobre o álbum.

Em outubro de 2016, Fifth Harmony performou no Sentrum Scene em Oslo. Lembram-se de três coisas da visita da Noruega: frios, fãs ansiosos e tacos.

Foi tão frio no dia. Nós nos arrumamos e compramos tacos em uma loja bem fora da cidade, mesmo que não possamos sair sozinhos. Mesmo que estivéssemos congelados. Realmente valeu a pena“, rindo Normani disse.
O que eu mais lembro da visita é que os fãs estavam tão entusiasmados por nos ver. Foi muito grande. Foi nossa primeira visita à Noruega, por isso foi muito bom vê-los. Queremos absolutamente voltar! Eu amo a Noruega. Vamos fazer um tour pela Europa com o novo álbum e esperamos uma visita à Noruega.” disse Lauren.

Em 2012, eles vieram em terceiro lugar no “X Factor” e obteve um contrato com Epic Records e Syco Music de Simon Cowell. Embora muitas bandas de meninos tenham se tornado grande naquele momento, fazia muito tempo que um grupo de mulheres não conseguia o mesmo sucesso desde Pussycat Dolls e Spice Girls.

Aprendemos que é difícil, mas acho que nosso sucesso é baseado no fato de que trabalhamos duro e não pensamos em nós mesmos como indivíduos, mas como um grupo. Fazemos o que é melhor para o grupo – e funciona.

As quatro afirmam que estão mais unidas do que nunca. O ano turbulento aproximou as quatro restantes.

Estamos muito sincronizadas e concordamos a maior parte do tempo. Nós não argumentamos, mas sim cuidamos uma das outras. Não há nada que possa nos impedir agora,” diz Lauren.

Tradução e Adaptação Equipe Fifth Harmony Brasil

Publicado por Barbara Ianhes em 29 de agosto de 2017

Como todos sabiamos, Fifth Harmony compareceu ao VMAs, porém, o que ninguém esperada era essa performance LA-CRA-DO-RA que deixou todos sem palavras. Além disso, o grupo levou pra casa o prêmio de Best Pop Vídeo. Confira:

VÍDEO: Performance de Angel + Down.

VÍDEO: Paris Jackson anunciando Fifth Harmony como vencedoras do prêmio Best Pop Video.

VÍDEO: Fifth Harmony e Gucci agradecendo pelo prêmio.

‪”Muito obrigada a todos vocês, eu não acredito que acabamos de ganhar o VMA, estou em choque. Muito obrigada aos nossos fãs, os Harmonizers, vocês são in-cri-veis. Não sabemos nem como agradecer vocês. Eu te amo.” — Lauren ‬
‪”Muito obrigada a nossas famílias, nós sabemos que não é fácil. Obrigada por todo seu sacrifício e amor.” — Normani ‬
‪”Dinah, Normani e Lauren eu amo tanto vocês, sou muito grata que estamos nisso juntas.” — Ally ‬
‪”Isso é surreal, muito obrigada MTV por nos receber. Isso é inacreditável. Quero agradecer aos nossos fãs.” — Dinah ‬
‪”Eu nunca ganhei um prêmio antes e muito obrigada Fifth Harmony por me permitir fazer parte disso” — Gucci ‬

Publicado por Barbara Ianhes em 27 de agosto de 2017

Vocês tem um novo álbum chegando, vão performar no VMAs.. Como vocês estão se sentindo?
Lauren: Nós estamos muito animadas..
Normani: Ainda estamos meio que processando isso, ainda não acreditamos.
Ally: Essa é literalmente a performance mais icônica de nossas carreiras. Estamos em êxtase.

Vocês acham que chegaram finalmente onde o Fifth Harmony deveria estar?
Dinah:
Definitivamente
Lauren: Estamos muito orgulhosas de tudo que estamos fazendo e como estamos fazendo. Estamos conectadas de uma maneira que nunca aconteceu antes. E tem o VMAs que é tipo icônico. Se você pensar em várias performances que já aconteceram em premiações como Britney e Madonna. É isso, é muito legal que vamos poder estar nesse palco onde lendas já estiveram.
Dinah: E também, estávamos comentando nos bastidores, que faz muito tempo que um girl group não se apresenta no VMA.. Então é tipo temos que estar lá e representar. Isso me arrepia.

Tem mais pressão agora do que antes? Pois agora vocês estão cantando música realmente de vocês, o bebê de vocês.
Lauren:
Essas musicas conseguimos nos conectar muito mais pois fizemos parte disso. Escrever a música, a criação, a escolha que fizemos.

Nós vimos a prévia do novo clipe e posso dizer que ainda estou suando com aquilo. Estava calor na gravação?
Ally:
Sim, estava muito calor no set…
Lauren: Ainda tínhamos um borrifador de água para fazer parecer que estamos mais suadas.

Como foi para vocês voltarem para o estúdio?
Normani:
Foi como se tivessem devolvido o nosso poder, na verdade, não é que nos deram isso na primeira vez. Muitas vezes esperavam que fizéssemos o que disseram. Todas as ideias ficaram guardadas… Mas é muito bom que isso tenha mudado dessa vez, estamos mais maduras tanto quanto pessoa quanto artisticamente. Vocês poderão ouvir isso através da música.
Ally: Trabalhamos em pares para co-escrever. Escutávamos a música e conversávamos sobre o que ela no passou, sobre o que sentimos. Tivemos diferentes perspectivas e nos conectamos ainda mais.
Dinah: Ter a liberdade de escrever o que estava pensando ou sentindo, ir a lugares que era vulnerável. Para mim foi bom finalmente ter isso. Colocar tudo isso em ação, foi tipo finalmente, parecia estar na Disney.
Lauren: Eu era insegura pois estavam sempre falando que algo bom seria algo que virasse um hit o que não é verdade, é mais que isso você não precisa pensar em criar um hit é sobre se inspirar e se conectar.
Normani: É totalmente diferente. Eu fico muito animada em ir no estúdio todos os dias pois fico pensando no que podemos criar.
Dinah: Olhando nos álbuns passados tínhamos muitos feats e nesse temos apenas um. E é sobre a gente, nos escrevemos o álbum e não precisamos de outros artistas
Lauren: A música soava completa sem o feat. E pensar tipo ‘isso está muito bom’. Essa nova era nos ajudou a nos conectar uma com as outras e ser vulnerável uma com as outras.

Onde você aguardam as ideias que tem?
Lauren:
Eu tenho milhões de gravações de vozes, bloco de notas, em diários, depende muito. Eu tenho um diário que guardo na minha bolsa e carrega em todo lugar.
Dinah: eu tenho um caderno onde escrevo e também gosto de ficar desenhando alguns personagens..
Ally: Ela é muito boa, vocês deveriam ver…
Dinah: eu escrevo coisas que acontecem no meu dia, estamos indo e vindo toda hora e quando alguém me pergunta o que aconteceu no fim de semana eu não lembro por isso estou sempre escrevendo e anotando.

É irritante que a Taylor Swift está lançando música na sexta também?
Lauren:
Não!
Ally: Estamos muito animadas.
Lauren: É diferente, vamos lançar um álbum e ela um single. Vai com tudo Taylor, mal posso esperar.

O que sente mais falta em uma vida normal?
Ally:
Passar um tempo na casa dos meus avós
Dinah: Viagens com minha família
Normani: Passar um tempo decente com meus amigos

Um conquista a longo termo tanto pessoal quanto como um grupo.
Lauren:
pessoal, chegar a um ponto em que continuo tentando chegar ao meu potencial máximo e como um grupo ganhar um grammy, estou colocando na mão dos universos e espero que alguma vez alguém escute a música e se sinta tocado por ela.
Normani: como um grupo também um grammy ou talvez um filme sobre o grupo..
Lauren: ‘The World In Harmony’
Normani: e pessoal acho que olhar para trás e ter certeza que fiz tudo que eu queria e não ter arrependimento.
Dinah: e viver a minha vida sem arrependimento, fazer tudo que posso, estar em um lugar confortável e feliz com a minha família. Quando estamos trabalhando quase não vemos a família mas quero trabalhe duro para ficar confortável e ficar com eles. E como um grupo espero ir ao casamento uma das outras e quero ser a madrinha de honra.
Ally: pessoal seria realizar todos os desejos do meu coração, tenho diferentes paixões e quero explorar todas elas. E como um grupo… Tipo o VMAs já é uma dessas coisas, é um sonho que passamos por tanto e agora vamos estar lá.

Publicado por Barbara Ianhes em 24 de agosto de 2017

Quando as meninas do Fifth Harmony foram descrever o novo álbum, elas usaram palavras como “autêntico”, “verdadeiro” e “paixão”.
O álbum marca um grande momento para o grupo – é a primeira vez que elas possuem um controle completo do projeto, co-escreveram mais da metade do álbum, junto com produtores que escolheram a dedo.
“Eu genuinamente ouvi cada música do álbum… uma coisa que eu nunca havia feito” – disse Lauren sobre o novo projeto.
Confira o que elas disseram sobre cada música, durante a nossa entrevista:

“Down”
PRODUCED BY AMMO, DALLAS K; WRITTEN BY JUDE, AMMO, DALLAS K, GUCCI MANE

Ally: Foi muito bonito quando cantamos Down no Good Morning America. Foi a primeira música que fizemos [como um quarteto] e foi nosso single com maior debut. Nós descobrimos isso no caro, e choramos juntas. Nós estávamos tão animadas. Foi tão lindo e perfurou nossas almas. Tudo que tem acontecido depois é uma benção.

“Lonely Night”
PRODUCED BY MONSTERS & STRANGERZ; WRITTEN BY MONSTERS & STRANGERZ, JASON EVIGAN AND FIFTH HARMONY

Lauren: o que eu gosto dessa música é o alcance musical. Eu nunca ouvi uma música assim antes e isso me deixa muito feliz. A transição da produção é louca. As zonas que você vai na melodia é muito legal – e como uma apresentação vocal, de todas nós, é muito foda. A dinâmica do grupo está ligada! E o contexto da música está dando um tempo do que você precisa dele para estar ele. Ele tem que estar no ‘calibre’ certo e você está assistindo.

“Sauced Up”
PRODUCED BY HARMONY SAMUELS; WRITTEN BY HARMONY SAMUELS, CANDY SHIELDS, RYAN TOBY AND FIFTH HARMONY

Lauren: É uma música que te deixa pra cima. Ela é uma dessas músicas que quando toca na boate você vai querer dançar.

Dinah: Ela me lembra “Party” da Beyoncé. Ela te dá essa vibe – gostamos de festejar.

“Make You Mad”
PRODUZIDO POR DREAMLAB E RUFFIAN; ESCRITO POR DREAMLAB,RUFFIAN E FIFTH HARMONY

Normani: Essa é uma música estilo balada. É uma música que você realmente subestima.

Lauren: Eu simplesmente amo os versos desta canção.

“Deliver”
PRODUZIDA POR THE STEREOTYPES; ESCRITA POR THE STEREOTYPES, TAYLOR, WHITNEY PHILLIPS E FIFTH HARMONY

Dinah: Eu amo o quão madura é essa música. É o tipo de música pra quando você está dançando com o seu homem. Eu toquei umas músicas pra Taylor Sparks e quando terminamos ela tava tipo, “Você sabe que eu sei a direção que vocês estão seguindo”. Ela imediatamente falou pra pianista e escreveu algumas palavras e disse, “Vamos fazer algo um pouco maduro”. Ela estava espirituosa com todas aquelas palavras. Fiquei feliz por testemunhar isso porque é a direção que estávamos tentando tocar. Definitivamente dando a você vibes das músicas da Mariah Carey, dos anos 90 e R&B te leva até lá. Mal posso esperar para performá-la; Essa é o tipo de canção que você vai pro palco e simplesmente se desliga!

Lauren: Nós já começamos a ensaiar ela e a senti ela nos ensaios.

Dinah: Melodicamente, eu amo como ela meio que nos leva para todos os lugares.É quase um desastre criativo.

Ally: Nós queríamos colocar algo sentimental nesse álbum e nós conseguimos. Ela deixa a gente trazer nossas personalidades divertidas e nossas vozes diferentes. Nossa sensualidade nas harmonias e nas notas altas, o jeito que elas se encaixam na canção, é fantástico. Essa com certeza é o álbum do Fifth Harmony.

Normani: “Me lembra de Everlasting Love [uma música do álbum Reflection] Esse é o motivo pra eu amar tanto.

“Don’t Say You Love Me”
PRODUCED BY IAN KIRKPATRICK AND THE ELECTRIC; WRITTEN BY LISA SCINTA, IAN KIRKPATRICK AND THE ELECTRIC

Dinah: É uma música de partir o coração — Eu posso dançar com ela, eu posso chorar com ela. Eu mostrei para a minha irmã e ela disse que é como uma viagem quando você está olhando as montanhas e lagos. Ela mexe com seus sentimentos. Se você está em um relacionamento ou não, ela atinge você porque a voz da Lauren arrasa. É apenas o jeito perfeito se começar a música. Adoro o jogo de palavras: “Don’t promise me tonight without tomorrow too.” [não me prometa hoje sem prometer amanhã]. É uma legenda para o Instagram.
Lauren: É realmente uma música que tocaria na montagem de um filme.

“Angel”
PRODUCED BY SKRILLEX AND POO BEAR; WRITTEN BY POO BEAR AND SKRILLEX

Normani: Eu estou obcecada por essa música. Poo Beat e Skrillex absolutamente destruiram a minha vida com essa.

Lauren: Yeah, ela me da vida. A trajetória é foda. A letra é tão legal. O jeito que estamos cantando ela, você nunca ouviu a gente assim antes.

Dinah: Ela mostra um lado diferente da gente. Você sente a destruição — “Who said I was an angel?”

Ally: Ela é dark. Eu realmente liguei o meu alter ego para essa. Eu também acho que esse é o melhor vídeo que fizemos. É visualmente brilhante e parece que estamos no nosso elemento com muita atitude que reflete na música. Skrillex and Poo Bear são incríveis. A música e as pausas que eles fizeram me da calafrios. É uma explosão mental.

“Messy”
PRODUCED BY DREAMLAB AND RUFFIAN; WRITTEN BY DREAMLAB, RUFFIAN AND FIFTH HARMONY

Ally: Normani e eu co-escrevemos essa com Dreamlab. É uma música vulnerável e doce. Você pode ouvir nossa vulnerabilidade, literalmente, em nossas vozes e nas pausas que fazemos. E tem alguns momentos doces de harmonia.

“Bridges”
PRODUCED BY TOMMY BROWN; WRITTEN BY SEBASTIAN KOLE, ANTHONY JONES AND FIFTH HARMONY

Normani: Sinceramente, é no mínimo a minha favorita do álbum. Eu realmente amo a mensagem e o que ela apoia.

Lauren: A mensagem é tão linda. E a música é grandiosa e positiva – e algo que a gente precisava agora.

Publicado por Barbara Ianhes em 18 de agosto de 2017

Com o seu novo álbum auto-intitulado na próxima sexta-feira e uma apresentação agendada para o MTV Video Music Awards dois dias depois, Fifth Harmony – Ally Brooke, Normani Kordei, Dinah Jane e Lauren Jauregui – estão se preparando para a maior semana de sua carreira como um grupo com quatro integrantes.

No entanto, as perguntas continuam a seguir o grupo sobre a quinta integrante, Camila Cabello, que deixou 5H em dezembro de 2016 para uma carreira solo.

Em uma entrevista com o USA TODAY, Kordei e Jauregui falaram sobre a celebração da nova era do grupo e seguir em frente do drama do passado, que elas admitiram que não ser diferente de um divórcio entre celebridades.

Foi literalmente assim“, disse Kordei.
Realmente era, era assim. Todo o drama, toda a atenção“, disse Jauregui. “Mas você sabe o que? Estamos tão felizes e seguimos em frente, estamos em um bom lugar, e esperamos que ela esteja em um bom lugar, e isso é realmente o que importa. Todos deveriam estar na sua própria linha, fazer o seu próprio bem e parar de se preocupar com o resto “.

Nós somos todos artistas – não estamos aqui para esse drama sem fim“, ela continuou. “Nós dissemos o que tínhamos a dizer, está no passado e estamos avançando, essa é a narrativa que queremos dar“.

Como o grupo aprendeu, essa não é sempre a narrativa sobre a qual a imprensa se preocupa. Jauregui descreveu as dificuldades de ser constantemente perguntada sobre a antiga colega de banda, com algumas entrevistas mais hostis do que outras.
Quando as pessoas colocam você em situações que elas sabem que você vai ficar desconfortável é indicativo do que elas estão querendo da entrevista“, disse Jauregui. “E no final do dia, eu não sinto que ninguém tem direito de tirar informação de mim sobre a qual não me sinto à vontade. Porque sou um ser humano e tenho mais do que o direito de manter informações para mim mesmo

E eu sei que, como ser humano, tenho mais a oferecer do que fofocas“, continuou ela. “Eu tenho um milhão de outras coisas que eu faço e de que estou orgulhosa. E o grupo, há muito mais coisas do que as histórias que as pessoas querem espalhar. As manchetes sobre drama, isso é não somos quem somos “.

Kordei agradeceu os fãs da Fifth Harmony, um exército poderoso que regularmente se coloca em defesa do grupo on-line, e está sempre as protegendo. “Nós somos genuinamente como uma família – toda vez que nos machucamos, eles também se machucam“, disse ela. “E eles nos defenderão sem fim … Eles sabem o que está acontecendo, eles sabem quando não estamos sendo tratadas de maneira justa, e eles ficam por nós. Eles não querem saber de coisa inúteis, eles sabem o quão duro nós trabalhamos e o quanto nos merecemos “.

Jauregui e Kordei escreveram cartas abertas e falaram nas mídias sociais sobre suas crenças políticas. Quando se trata de seus fãs, Jauregui confia em que eles não estão apenas procurando por shades.

“(Fãs) também não gostam de entrevistas de fofocas sobre nós”, disse Jauregui. “Eles não estão aguardando por essas coisas. Eles estão esperando como amar e ser melhores versões de si mesmos. É o que eles esperam de nós “.

Traducao e Adaptação Equipe Fifth Harmony Brasil.

Publicado por Barbara Ianhes em 18 de agosto de 2017
Página 5 de 27« Primeira...34567...1020...Última »

FifthHarmonyBrasil.Com

• Hospedado pela equipe Flaunt Network

Fifth Harmony Brasil 2013-2017 - Alguns Direitos Reservados •